sexta-feira, 20 de novembro de 2009

A FÚRIA DA NATUREZA!

O momento exato em que a tempestade tomou conta do céu

Um vendaval assolou, no final da tarde desta quinta-feira (19), a região sul de Santa Catarina, norte do Rio Grande do Sul e, de maneira contundente, a nossa cidade, Içara.

A nossa região é uma área de convergência de massas de ar, o que significa que fenômenos dessa natureza, nesta época do ano, acontecerão mais vezes.


Quinta-feira, final de tarde, em Içara

O que chama a atenção, nesse caso, é a intensidade, o alcance e a frequência com que esse evento tem acontecido.

Estragos em um pavilhão abandonado na SC-444, em Içara

Indiscutivelmente, o aquecimento global, em decorrência da emissão de gases, o desrespeito para com a natureza em escala global, aceleram e agravam fenômeno.

Panorama da destruição


A ação do vendaval em Içara, desta vez, foi mais intensa, destruindo pavilhões de empresas, destelhando casas, arrancando árvores, derrubando paredes, comprometendo a rede elétrica com a queda de postes e rompimento de fiações.


Em Criciúma os danos também foram significativos. Os prejuízos ainda estão sendo calculados, mas estima-se que serão de grande monta.

Estádio Heriberto Hülse, Criciúma

Cabe aqui um alerta para que tenhamos uma maior consciência ambiental e que para o futuro, as edificações sejam melhor adequadas, mais reforçadas, para resistirem a fenômenos dessa envergadura.

Avenida Universitária, em Criciúma


Fotos de Içara: Rafaela Cardoso
Fotos de Criciúma: Ariadne Niero - Portal Engeplus

Um comentário:

Calebe disse...

Tenho 20 anos de vida e sempre vi a mesma coisa... temporais feios, casas de cabeça pra baixo, empresas destelhadas, destruição, alagamento, ...

Agora está tendo uma maior divulgação, mas sempre foi a mesma coisa.... É que tem gente que adora exagerar...

Acabo de ler o livro 100 anos de histórias, Santa Catarina!!! A mais de 100 anos atrás o Dr. Blumenau perdeu toda a roça que tinha plantado (No caso, mandou plantar), isso antes de 1900...